O que Incluir ou Não em seu Currículo…

4

Muitas vezes o candidato inclui em seu currículo alguns dados absolutamente desnecessários e deixa de incluir outras informações que são bem mais importantes e decisivas.

Não há motivo para incluir em seu currículo o número de seu CPF, RG, CNH, CTPS, etc. Por outro lado, pode ser importante informar se você possui ou não CNH e a categoria dela se possuir. Links para sites e blogs pessoais podem ser interessantes se você os atualizar e não estiverem abandonados. Cuidado com o que você compartilha publicamente nas redes e com as fotos que usa em seus perfis.

Além disso, não deixe de incluir no seu currículo uma forma de entrar em contato com você. Pode ser um telefone ou um e-mail (que você abra diariamente). Seu endereço é secundário, mas pode ser importante se a empresa estiver selecionando alguém que resida próximo ao local de trabalho ou se a empresa oferece transporte próprio para os funcionários.

Dados referentes à Formação:

É importante citar os cursos de graduação ou pós-graduação e o ano de conclusão deles. Por outro lado, não há necessidade de listar todos os cursos que você fez desde o ensino fundamental, atenha-se ao que for relevante.

No tocante à graduação, se você iniciou várias e não concluiu todas, cite apenas a que você concluiu, a não ser que a informação de determinada graduação não concluída seja extremamente importante para a vaga disputada. Se você iniciou várias e não concluiu nenhuma, mencione apenas aquela que você cursou por mais tempo ou que for relevante para o cargo.

Cursos de extensão ou cursos livres podem valorizar seu currículo, mas jamais forneça informações que não sejam verdadeiras. De nada adianta você inserir informações nele que não possam ser comprovadas de forma alguma. Se você acha seu currículo pequeno aprimore-se, faça cursos rápidos, atualmente há opções de cursos online a partir de R$ 25,00. Pequenos detalhes poder ser diferenciais competitivos importantes.

Experiência Profissional:

É muito importante que você mencione suas experiências profissionais, citando empregador, data inicial e data final, assim como o cargo e as atividades que você exercia. Mas seja objetivo, resuma.

Se sua experiência profissional for vastíssima cite só o que for relevante para o cargo. Se tiver pouca experiência na área a que está se candidatando pode citar o que não for tão importante, se não vai acrescentar tanto ao seu perfil profissional pode ajudar a passar uma ideia de seu perfil pessoal.

Conhecimento de Idiomas:

Só inclua conhecimento de determinado idioma em seu currículo se você realmente tiver tal conhecimento e se ele tiver sido obtido através de cursos ou através de residência temporária em outros países. Além disso, esteja ciente que esse conhecimento poderá vir a ser testado no decorrer do processo seletivo.

Venha divulgar seu currículo para 20 mil empresas parceiras, quer saber como?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *