Motivos que levam o RH a eliminar um candidato na primeira entrevista.

mentiras

mentiras

Você já participou de um processo seletivo, foi reprovado logo na primeira etapa e ficou sem saber o motivo?

Essa é a realidade de muita gente, principalmente porque algumas equipes de Recrutamento & Seleção falham em não dar o feedback para todos os candidatos, seja por falta de tempo ou planejamento.

A empresa de consultoria em Recursos Humanos, Robert Half, fez uma pesquisa com intuito de identificar quais são os aspectos notados nos candidatos logo na primeira etapa do processo seletivo que fazem com que sejam reprovados.

O resultado dessa pesquisa, que foi feita no formato de sondagem, foi divulgado na 7ª edição do Índice de Confiança Robert Half (ICRH). Veja abaixo quais são os motivos que levam os recrutadores a eliminar um candidatos na primeira entrevista:

Perceber que o candidato mentiu no currículo (33%)
Identificar que o candidato não se encaixa na cultura e no clima da empresa (23%)
Quando o candidato não demonstra interesse na vaga (12%)
Quando o candidato fala mal da empresa/empregador anterior (12%)
Quando o candidato não sabe se comunicar (9%)
Quando o candidato não sabe ouvir (6%)
Perceber que o candidato não se preparou para a entrevista (3%)
Outros motivos (2%)

Não quer ser reprovado na primeira entrevista?
Com exceção da questão de incompatibilidade com o clima e cultura da empresa, todos os aspectos citados pelos recrutadores na lista que você viu acima podem ser trabalhados para melhorar seu desempenho nas entrevistas de emprego e possibilitar que você avance para as próximas etapas do processo seletivo. Organizamos abaixo algumas dicas valiosas para você.

Mentir no currículo

Muitos candidatos mentem no currículo acreditando que terão mais chances de serem contratados, isso pode até acontecer em casos raros, mas, como vimos no resultado da pesquisa acima, não é uma boa opção.
Por exemplo, informar fluência em inglês no currículo pode até fazer com que você seja chamado para uma entrevista na empresa do seus sonhos, mas essa mentira poderá custar caro, fechando permanentemente as portas dessa empresa para você. Seja sincero sempre.

Se a empresa que você sonha em trabalhar exige inglês e você tiver condições, inicie um curso de inglês. Mesmo que demore um pouco para poder concorrer às vagas na tal empresa, quando entrar no processo seletivo terá muito mais chances de ser aprovado.

Falta de interesse na vaga

Caso você esteja participando de processos seletivos de vagas que não se interesse, é preciso repensar um pouco seus objetivos, pois está desperdiçando o seu tempo. Mas nem sempre o candidato que passa a imagem de desinteressado realmente está, ele pode apenas não estar cuidando corretamente da sua imagem, postura e discurso. Na maioria dos casos, os recrutadores buscam candidatos que se interessam pela empresa, pelas atividades da vaga e pela área de atuação, não só pelo salário oferecido, afinal um candidato que é contratado pelo salário pedirá demissão caso encontre uma oferta salarial melhor.

Como já dissemos aqui no texto, a empresa gasta na contratação e na demissão, então ela busca contratar pessoas que se identifiquem com a empresa e que queiram permanecer um bom tempo nela. Os recrutadores, ao notarem o desinteresse do candidato, podem descartá-lo logo na primeira entrevista.

Falar mal do trabalho anterior

Essa é uma questão muito delicada. Por mais que você tenha enfrentado problemas com a empresa anterior e que você tenha sido injustiçado, tenha muito tato para falar sobre a questão durante uma entrevista de emprego. Você conhece toda a sua história com a tal empresa mas o recrutador só vai conhecer aquilo que você disser, então todo cuidado é pouco. Por mais a vontade que se sentir, busque não perder o controle das emoções nesse momento para não acabar falando demais e se prejudicando.

Fonte : querobolsa.com.br
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn